14 de fev de 2009

Cabe no poema


Cabe no poema
A ironia, a maldade
A borboleta, o rio
A lembrança, a saudade!

Cabe no poema
Olhos tristes sem sonhos
Perfumes caros e baratos
Velhos costumes bisonhos!

Cabe no poema
A sede, a fome
O sorriso do rico saciado
O pobre sem nome!

Cabe no poema
Futuro aflito ou promissor
Frustração diária
Desencanto de amor!

Cabe no poema
A meiguice, a doçura
A torpidez, a mentira
A insensatez, a loucura!

Cabe no poema
A ansiedade reprimida
A filosofia, a natureza
A morte... a vida!

Clara Longhi

7 comentários:

  1. "Cabe no poema
    A sede, a fome
    O sorriso do rico saciado
    O pobre sem nome!"

    Que maravilha!!Adorei seu Blog e tudo por aqui!Lindo d+++

    Beijos,

    Reggina Moon

    ResponderExcluir
  2. este blog está o máximo!
    de encontro entre poesia
    poema... paixão...
    parabéns. continuem a divulgar
    o sentido da vida aos admiradores
    ....beijinhos

    ResponderExcluir
  3. amei, fico feliz por estar aqui.
    parabéns... isso é lindo!
    beijo

    ResponderExcluir
  4. que poema é lindo maravilhos...... no entanto mecheu muito com os meus sentimentos parabéns...este blog esta simplismente maravilhoso beijos

    ResponderExcluir
  5. Olá! Parabéns pelo blog! Suas poesias são muito bonitas! Te convido para conhecer o nosso blog também! Abraços!

    ResponderExcluir
  6. Paaarabens pelo blog!seeeeensassional.

    ResponderExcluir
  7. adorei seu blog bejus

    ResponderExcluir

comentários apenas sobre poesias.